sexta-feira, 20 de maio de 2016

Resenha: Jeffree Star Velour Liquid Lipstick - Abused & Weirdo

Oie gente!!

Hoje trago a resenha de dois batons líquidos maravilhosos que comprei recentemente. Um deles, o preto, vocês já conferiram em meu último post, que foi um tutorial de maquiagem em fotos. Os batons pertencem à linha de maquiagens do Jeffree Star e são chamados Velour Liquid Lipsticks.

O Jeffree Star é uma celebridade americana. Ficou famoso na era do My-Space e desde então já atuou como modelo, cantor, estilista e maquiador. Há algum tempo fundou sua própria linha de cosméticos, que atualmente é composta de batons líquidos, iluminadores e em breve contará com uma paleta de sombras.

Eu sou muito fã do Jeffree, adoro seu jeito descontraído, sua aparência andrógina, seu estilo e suas maquiagens perfeitas. E depois de tantas resenhas positivas na internet sobre seus batons, resolvi testar ao menos duas tonalidades para ver se o hype era mesmo verdadeiro. As tonalidades que adquiri são a azul Abused e o preto Weirdo.

Vamos a resenha:

Abused e Weirdo
Os batons do Jeffree Star possuem uma formula semelhante a outros já resenhados por aqui. Sua textura é a princípio líquida, que em poucos instantes seca por completo nos lábios, deixando um acabamento super fosco e com cobertura bem opaca, também prometem um longa durabilidade.  Seus produtos são veganos e não são testados em animais. Para prolongar a fixação, a marca recomenda o uso de um esfoliante labial a priori e evitar comidas gordurosas. Também é necessário agitar o produto por 6 segundos antes da aplicação. Abaixo segue a descrição original em inglês:

"Our liquid lipstick goes on opaque, dries completely matte and stays on for hours! This product is 100% vegan and cruelty-free! (tips before use: exfoliate then apply to bare lips! avoid food with oil... and no making out, kisses are ok!)"

Abused: possui um tom azul marinho profundo, com um pouco de roxo e cinza em sua fórmula.

Weirdo: tom super, hiper, mega, ultra, power preto! O tom é bem intenso mesmo e bem opaco. Este batom ainda pode ser usado como delineador nos olhos, o Jeffree já garantiu que são seguros para serem aplicados nesta área.


Vamos começar pelas embalagens lindas demais! Esses tubos com as pontas rosas são demais e emanam muito a personalidade do Jeffree. O primeiros batons foram lançados com esta caixinha rosa com estrelas e os tons lançados posteriormente possuem a caixinha azul. A embalagem também parece ter uma boa resistência, é possível perceber a boa qualidade!

O aplicador é esse de esponjinha com um corte chanfrado. Apesar de ser a esponjinha tradicional (que acho péssima por sinal), achei seu tamanho um pouco grande, quando comparada aos aplicadores de outras marcas. Isso dificulta muito uma aplicação precisa, principalmente para quem possui lábios pequenos.


Os Velour Liquid Lipsticks possuem uma fórmula bem líquida, me lembram demais os batons da Lime Crime e os da Kat Von D. Primeiramente parece que vocês está aplicando um gloss e após a

O Weirdo é extremamente líquido, desliza super bem nos lábios e leva alguns alguns segundos para secar por completo, deixando o acabamento totalmente matte. Acredito que devido a esta textura mega líquida, eu precisei de duas camadas para que ele ficasse extremamente opaco, sem falhas e manchas. Achei super fácil de aplicá-lo mesmo com essa esponjinha odiosa. 

Já o Abused possui uma textura um pouco mais encorpada e cremosa, não é tão líquida quanto o Weirdo, além de não secar uniformemente, umas áreas secam antes que outras.  Isso me dificultou um pouco a aplicação, não conseguia um acabamento super lisinho nas bordas com essa esponjinha maldita. Foi um pouco complicado desenhar meus lábios, no final recorri ao bom e velho pincel labial e aí deu tudo certo. Com uma camada foi possível cobrir totalmente os lábios, ele ficou muito opaco e totalmente sem falhas.

Ambos possuem uma excelente duração, duram bem mais que os da Kat Von D!!!!! Eu precisei reaplicar somente no centro dos lábios justamente após uma refeição. Esses batons não craquelam, não realçam as linhas do lábios e não dão a sensação de ressecamento nos lábios. 


Cheguei a conclusão que realmente o Hype em torno dos Velour Liquid Lipsticks é real! Ótima qualidade, longevidade, embalagem perfeita, além de cores únicas e insanas que fogem dos padrões! Até um batom na cor branca O Jeffree Star produz! Ressalto que a marca 100% vegana e cruelty-free e seus produtos também não contém parabenos e glúten.

É por isso que eu amo essas empresas de cosméticos menores, chamadas de "indies", pois realmente levam em conta o estilo de vida e a filosofia de seus clientes, cada vez mais conscientes de que nenhum animal deveria sofrer ou morrer para que tenhamos produtos industrializados.

Cada batom custa 19 dólares  e são vendidos somente online. A companhia envia para o Brasil, acho que o frete custa 10 dólares. Eu encomendei os meus com a Janaina Vasconcellos que tem uma lojinha de produtos importados no facebook, chamada janaimportados.

Abused & Weirdo

Espero que tenham gostado da resenha! Beijos e até o próximo post!

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Tutorial de Maquiagem: White Eyeliner & Black Lips - Jeffree Star Weirdo Lipstick



Olá pessoas!!!


Apesar de ter meu próprio estilo e percepção sobre maquiagem, eu adoro acompanhar as tendências. Uma tendência que tenho visto com frequência no Youtube e nas demais redes sociais é a do delineado branco.

Confesso que fiquei muito intrigada e fascinada pelo delineado na cor branca, achei o efeito interessante e resolvi tentar. Comprei o bendito delineador usado por diversos maquiadores e assim que recebi decidi criar este look.

Resolvi condensar no mesma make três tendências famosas, o Cut Crease, o delineado duplo e o batom preto. Aproveitei o conceito Black & White para usar meu novo batom líquido do Jeffree Star chamado Weirdo.

Espero que gostem!




1- Comecei a maquiagem aplicando uma sombra marrom, um pouco avermelhada, em todo o côncavo e também no canto externo da pálpebra;

2 - Prossegui aplicando também no côncavo e no canto externo da pálpebra uma sombra marrom, mais escura;

3- Escureci ainda mais o côncavo aplicando uma sombra preta. Vale ressaltar  que sempre esfumo bem as extremidades para não deixar uma linha muito marcada

4 - Para fazer o "Cut Crease" utilizei um pincel bem firme de cerdas sintéticas e limpei dois terços da pálpebra com um corretivo. Basicamente criei um côncavo falso. Deixei o canto externo da pálpebra ainda com as sombras escuras;

5 - Por cima do corretivo, apliquei uma sombra branca um pouco cintilante e também apliquei um pouco mais de sombra no canto externo para corrigir no formato.

6 - Iluminei abaixo da sobrancelha e apliquei um delineador preto;

7 - Acima do delineador preto, apliquei o delineador branco;

8 -  Na parte inferior dos olhos, apliquei as três sombras utilizadas no côncavo. Também apliquei máscara e cílios postiços nos cílios superiores.



Produtos Utilizados:

Face:

Base Prolongwear da MAC, cor NW25
Corretivo MAC Prolongwear NW20
Pó para assentar o corretivo Bareminerals Well Rested
Pó Compacto Light Reflecting Setting Powder da Nars
Blush MAC Mineralize cor Gentle
Iluminador The Balm Mary-Lou Manizer
Bronzer Benefit Hoola

Olhos:

Base para sombras MAC Paint Pot Soft Ocre
Sombras Paleta de Olhos Sahde & Light, Kat Von D
Delineador líquido preto The Balm
Delineador Branco NYX
Mascara Maybelline The Colossal
Cílios postiços First Kiss

Lábios:

Batom Preto Líquido Jeffree Star, cor Weirdo


Gente espero que vocês tenham gostado da  maquiagem! Deu muito trabalho fazê-la, pois este delineador branco da NYX é uma baita porcaria!!!!
Mas enfim, espero que esta make possa servir de inspiração para vocês!
Mil bjs e até o próximo post!


quinta-feira, 28 de abril de 2016

Minha Mudança Capilar: Do Castanho Escuro ao Vermelho + Cuidados e Manutenção da Cor



OI gente!

Demorei muito para me decidir se publicava ou não este post. Achei que não seria um conteúdo realmente relevante, no entanto tive uma resposta muito boa de vocês, algumas pessoas me disseram nos comentários, que gostariam que eu escrevesse um pouco sobre minha mudança capilar.



Como eu disse em um post anterior, sempre sonhei em ter os cabelos vermelhos, com uma tonalidade bem cereja. Pintei meus cabelos por diversas vezes, , no entanto nunca consegui obter o tom que tanto desejava, eu notava apenas um leve brilho avermelhado quando a luz do sol batia. Acabei desistindo e mantive meus cabelos em seu tom natural por muito bom tempo. Cheguei até a clarear as pontas, no estilo ombré hair, mas não curti muito.Meu sonho sempre foi ter um cabelo  do mesmo tom da sereia Ariel.

Mas enfim, a industria da beleza está em constante mudança. Na busca eterna por mais consumidores e um crescimento de mercado, as empresas estão sempre em evoluindo seus produtos e trazendo novidades para seus clientes.

Se antes parecia ser impossível passar do tom castanho escuro para o vermelho, sem descoloração previa, atualmente já não é tão impossível assim. Minha querida prima Débora, que é uma cabeleireira profissional, me convenceu que eu conseguiria ser ruiva sem danificar muito meu cabelo. Claro que o tom não seria tão vibrante quanto eu gostaria, contudo ainda seria um tom de vermelho lindo e bem intenso. Desconfiei muito, mas como eu sabia que estava em boas mãos decidi tentar mais um vez.


Possuo cabelos bem longos e com muito volume, então foram necessários vários tubinhos de tinta.

Para chegar nesse tom, já que o meu cabelo é um castanho bem escuro, a Débora misturou duas tintas da marca Alfaparf Milano, cor "Louro Médio Vermelho intenso" nº 7.66I e o intensificador de vermelhos chamado "Red Booster". Para colorir a raiz, ela utilizou meio tubo de cada tinta misturados com água oxigenada de 30 volumes. Para o comprimento, foi necessário 1 tubo de cada tinta, misturados com água oxigenada de 40 volumes. A água oxigenada utilizada também era da marca Alfaparf.



Após 40 minutos que pareceram uma eternidade, o resultado é este que vocês conferem aqui. Cabe ressaltar, que possuo uma faixa de cabelo naturalmente mais clara, um tom de louro escuro, ao lado direito de minha face. Nesta mecha a cor ficou bem mais vibrante, como vocês podem notar na foto abaixo


Confesso que não sou uma pessoa muito zelosa com os meus cabelos, então meu maior medo em tingi-los era a manutenção que demandaria, para deixá-los sempre hidratados e com a cor viva. 


Entretanto, graças as dicas de minha prima, meus cuidados são extremamente simples! Para manter a cor, aplico uma vez por semana o Tonalizante Moulin Rouge, da Lola Cosméticos. Esse produto é excelente, além de hidratar ele realça muito a tonalidade dos fios, Também utilizo em quase todas as lavagens, a Máscara Reconstrutora de Argan, também da Lola Cosméticos. Não sei dizer exatamente o que essa máscara faz, realmente sou uma leiga em assuntos capilares, porém sinto meus cabelos macios e sedosos. Nem parece que passei tanta química!



Em breve terei que retornar ao salão para pintar a raiz que já está bem crescida. De jeito nenhum que farei isso em casa!

Minha prima Débora Tilio atende no salão Duda Hair aqui em Petrópolis, RJ. Se você estiver de passagem aqui pela cidade e quiser dar um up no seu cabelo, recomendo muito o trabalho dela!

Então é isso gente! Espero que vocês tenham gostado do post! Mil bjs e até a próxima!


quarta-feira, 20 de abril de 2016

Look do Dia: Van Halen & Leather Skort


Oi gente, como vocês estão?


Mais uma vez peço desculpas pela falta de posts, na semana passada fiquei muito ocupada e não tive tempo de preparar nada. Além do meu trabalho regular, estou atuando como maquiadora e designer de sobrancelhas nas horas vagas e por isso tem me sobrado pouco tempo para me dedicar ao blog. Mas, nunca deixarei este espaço aqui de lado, pois é o meu hobby favorito da vida! 

Enfim, o post de hoje é bem levinho, um look do dia sem muitas frescuras. Espero que gostem!


Bolsa e t-shirt: Forever 21 | Skort e bota: Zara | Óculos: Rayban | Acessórios Forever 21 e Josefinha RosaCor


Confesso que já estou um pouco farta desse calor! Cadê esse outono meu povo?
Já fazem algumas semanas que os dias estão super lindos e ensolarados aqui em Petrópolis, o ruim é não poder aproveitar toda essa fartura de sol, nunca me sobra tempo para curtir a paisagens e as cachoeiras maravilhosas aqui da minha cidade. Geralmente nos finais de semana sempre tenho algum compromisso ou estou com preguiça mesmo e acabo preferindo o aconchego do meu lar.
Mas enfim,  neste último sábado saí com o namorado no final da tarde e aproveitamos para fotografar o meu look.

Como de costume, compus um look quase todo preto, dando ênfase a blusa de banda, meu vício eterno! Além de adorar o Van Halen, amo demais a estampa dessa t-shirt,  curto muito as cores e a arte. Para deixar o look um pouco mais pesadinho, optei pelo meu short/ saia de couro e as botas com este salto mega alto da ZARA. Adoro essa bota, mas ela é tão alta que sinto uma dificuldade enorme em andar quando estou usando elas, pareço um robô, hauahau.

O look pode ser todo preto, mas estava muito fresquinho e, ao meu ver, simples. Morar em Petrópolis tem esse ponto positivo, consigo usar roupas escuras mesmo em dias mais quentes. claro que para as pessoas ao meu redor eu pareço uma aberração, atraio olhares julgadores instantaneamente. Usar preto, infelizmente, ainda chama muita atenção...




Espero que tenham curtido o look! Mil bjs e até o próximo post!



quinta-feira, 7 de abril de 2016

Resenha: Corretivo e Base Fit Me Matte + Fresh - Maybelline -Review &Swatches


Olá Pessoal!

Analisando minhas postagem antigas, percebi que em toda a história deste blog, nunca resenhei de base e corretivo. Dá pra acreditar?

Sendo assim, hoje a postagem é muito especial! Farei, finalmente uma resenha de uma base e corretivo aqui neste blog. No entanto, não se trata de uma base cara de marca internacional, pois vocês sabem do meu amor por produtinhos importados. Os itens que aqui citarei possuem um ótimo custo e são super fáceis de encontrar!

A Maybelline lançou há pouco tempo vários produtinhos no mercado brasileiro. Os mais recentes são uma base e um corretivo, ambos da linha Fite Me. Essa base já é bem famosinha na gringa, mas somente agora chegou ao mercado brasileiro.


A base Maybelline Fit Me Matte + Fresh é, de acordo com a própria descrição da marca, "a primeira base líquida que se adapta em diferentes tons de pele do Brasil. Formulada com efeito matificante que disfarça imperfeições e proporciona a sensação de pele fresca e controla do brilho durante 12 horas". 
Ela promete um acabamento mate, textura leve e fresca que se adapta a sua pele. Está disponível em 19 tonalidades.

Já o corretivo líquido de acordo com a descrição, "camufla as imperfeições e olheiras sem marcar as linhas finas". Possui acabamento sem brilho, textura fluída e alta cobertura com duração de até 10 horas. Está disponível em 3 tonalidade, claro, médio e escuro.


A cor que eu escolhe da base Fit Me foi a nº 100, teoricamente ela seria a mais clara de toda a gama, no entanto achei esta cor um pouco mais escura e com um subtom um tanto alaranjado. Porém, ao aplicá-la no meu rosto, senti que a cor se adaptou, a tonalidade ficou perfeita olhando pelas fotos, pessoalmente acho que deu uma leve aquecida no tom da minha face.

Sobre a cobertura eu diria que é de leve a média. Com apenas uma camada ficará uma cobertura muito sutil, eu apliquei duas camadas e fiquei satisfeita. Mas acho importante ressaltar que eu não possuo muitas manchas e ou marcas na pele, por isso não necessito de uma alta cobertura.

A sua textura bem cremosa e fluída ao mesmo tempo, achei muito fácil espalhá-la pelo rosto. Gostei muito de aplicá-la com os dedos, a cobertura ficou super uniforme! 
Logo após aplica-la, senti minha pele sequinha e os poros bem disfarçados. O acabamento é semi-mate e tem esse feito meio blur, no entanto não senti que ressecou minha pele, na verdade ela ainda continuou com uma aparência bem saudável e super natural. Por eu ter uma pele super oleosa, senti a necessidade de aplicar um pó para finalizar a maquiagem, não consigo ficar sem pó!

Sobre a duração, posso dizer que ela aguentou bem, usei por várias horas em um dia bem úmido e abafado. Notei uma concentração de oleosidade na zona T e nas bochechas somente após 6/7 horas de uso, mas um blot paper ou um pó teriam absorvido esse excesso de óleo facilmente. Não senti que a base escorreu, se moveu ou até mesmo acumulou em alguma linha de expressão, notei apenas uma leve esvaecida na cobertura. Nada muito significante.

Enfim, achei que a base se comportou muito bem por 6 horas, não chega bem aos 12 prometidos pela Maybelline, mas ainda assim é um bom tempo. Umas das minhas bases favoritas é a HD da Makeup Forever, ela tem um acabamento maravilhoso, deixa a pele super viçosa e fotografa excelentemente bem, porém após umas 4 horas de uso meu rosto é óleo puro! Entretanto, a base da Makeup Forever não promete pele sequinha e fresca por 12 horas, como a Fit Me da Maybelline. 

Ainda assim, fiquei muito impressionada com esta base. Tudo me conquistou, o acabamento a cobertura leve e a duração digna, sério gente fique apaixonada pelo acabamento desta base. Porém, recomendaria a Fit Me somente para quem possui pele normal e oleosa. Quem precisa de uma alta cobertura e possui uma pele extremamente ressecada ou extremamente oleosa, não sei se ficará muito satisfeito com a Fit Me.
Da esquerda para a direita: sem base | com base e corretivo | maquiagem completa
Nesta maquiagem utilizei as sombras da minha paleta Shade  Light Eyes, da Kat Von D, Iluminador Mary-Loumanizer, da The Balm e o batom líquido na cor Vintage da Anastasia Beverly Hills

O  corretivo também da linha Fit Me, me deixou um pouco desconfiada inicialmente, começando pela seleção das cores. Achei um absurdo a Maybelline  produzir somente 3 tons, eu acredito que a marca deveria disponibilizar, no mínimo, 5 cores no mercado. Somente 3 tons não conseguirá abarcar a diversidade de tons de pele que temos aqui no Brasil.  

Mas enfim, optei pelo tom mais claro, nº 10, entretanto fiquei bem desanimada quando fiz o primeiro swatch, achei a cor amarelada demais para cobrir minhas olheiras, sempre prefiro corretivos mais rosados ou em tom de pêssego, mas no final a cor deu muito certo para mim, usei tanto nas olheiras quanto em algumas manchinhas no rosto.

A princípio achei que o corretivo possuía uma textura muito similar ao meu amado Prolongwear da MAC, no entanto ele é um pouco mais fluído e hidratante, o que me agradou bastante. Apesar de amar o da MAC, acho ele um tanto espesso demais e isto acentua as ruguinhas que tenho abaixo do olhos.
Devido a esta textura mais leve foi bem fácil de aplicá-lo, espalhou super bem e para a minha surpresa cobriu bastante minhas olheiras e as pequenas vermelhidões que tenho na face. Ele não tem uma cobertura tão alta e pesada como o Prolongwear, mas deu conta direitinho do serviço, gostei tanto que estou usando diariamente! Também não marcou minhas ruguinhas, assim como prometido pela Maybelline, mais um ponto para este corretivo!

Porém, por ele ser um tanto hidratante, obviamente necessitei assentá-lo com um pó, caso ao contrário ele não duraria meia hora em meus olhos, a minha pele desta região é bem oleosa, a pálpebra nem se fala! Com o pó ele fixou bem, sem acumular nas ruguinhas por cerca de 5 horas, depois disso notei um pouco de acumulo sim! Mas foi um bom tempo, infelizmente ele não dura as 10 horas prometidas, ao menos nas olheiras, no rosto se comportou como a base. Mesmo assim é um ótimo produto e virou um must-have para mim. Definitivamente usarei muito e comprarei as outras duas cores para colocar em meu kit.


Abaixo alguns swatches da base e do corretivo

Da esquerda para a direita: Base Fit Me, nº 100 e corretivo Fit Me, nº 10

No geral, gostei muito da base e do corretivo, irei usá-los constantemente! Acho que são excelentes produtos e fico muito feliz em saber que a Maybelline está trazendo novidades ao mercado nacional que se adaptam melhor ao nosso tipo de pele e clima.  Claro que eles precisam melhorar essa gama de cores disponíveis, somente 3 tons de corretivo é um absurdo. 


A base possui uma variação bem maior de tonalidades, mas acredito que seja importante testar a cor antes de comprá-la. Infelizmente, na drogaria que comprei não havia um provador no dispaly eu acertei na sorte.

Ahh! também preciso citar que curti muito a embalagem!

Paguei R$39,90 na base e R$29,90 no corretivo. A linha Fit Me ainda conta com blushes e pós compactos.


Então e isto gente, espero que vocês tenham gostado da resenha! Me contem nos comentários se já haviam experimentado essa base e se sabiam desse lançamento.

Um grande beijo e até o próximo post!



quinta-feira, 31 de março de 2016

Resenha: Kat Von D Shade & Light Contour Palette - Review and Swatches


Oi, tudo bem com vocês?

Hoje trago a resenha de um produtinho muito amado e comentado no mundo dos blogs de beleza, a paleta Shade & Light Contour, da Kat Von D.

Como muitos sabem, a tendência de contorno e iluminação facial veio para ficar e a Kat Von D, sempre antenada, prontamente lançou no mercado sua versão de um produto para esta finalidade.
Em pouco tempo, esta paleta ganhou muito destaque e se tornou uma das mais populares dentre as outras versões lançadas por diversas companhias. 

Como uma admiradora da tatuadora e de sua marca de maquiagens, não consegui me conter e acabei adquirindo a paletinha. Eu percebi que necessitava conferir se todo aquele Hype realmente era real. 
Há um tempo fiz a resenha da paleta em sua versão para olhos, vocês podem conferir aqui.

Vamos a resenha:


Logo de inicio já citarei a linda embalagem,  adoro essa estética da Kat Von D! A paleta é feita de papelão preto fosco, com fechamento magnético e ainda possui um ótimo espelho. Apesar de não ser uma embalagem super fina e que não faça muito volume, ainda é possível levá-la em viagens.

Contém três tons menores, mais claros, destinados para iluminação e três tons maiores, mais escuros, para o contorno facial. As cores disponíveis foram projetadas para moldar e definir as características faciais e assim criar uma aparência multidimensional, adequando-se aos mais variados tons de pele. Os tons podem ser misturadas ou ainda serem usados como sombra nos olhos. 

Abaixo segue uma descrição reduzida e traduzida da  Shade & Light Contour Palette:

"A artista Kat Von D usa sombra e luz para criar profundidade e dimensão em seus retratos cativantes, infundindo-los com autenticidade realista. Tome arte do sombreamento em suas próprias mãos com a  Shade & Light Contour Palette. 
Ao contrário de pós bronzeadores tradicionais, a  Shade & Light Contour Palette é carregado com uma selecção única de tons foscos que capturam os verdadeiros tons de sombra e luz. Os três tons de contorno criam sombras realistas para diminuir as características faciais, enquanto os três tons de destaque transmitem uma luminosidade suave para amplificar as dimensões faciais."



Tons Iluminadores:

Lucid: Tom rosado pálido perfeito para iluminar peles claras e assentar o corretivo.

Lyric: Tom bege amarelado, bem ao estilo do famoso "banana powder". Assim como o tom Lucid, o Lyric é perfeito também para assentar o corretivo e iluminar a região.

Levitation: Iluminador em tom pêssego. Assim como as tonalidades descritas acima, ajuda a iluminar a região da olheira e assentar o corretivo, seu tom um pouco mais alaranjado se adequa melhor em peles mais morenas.

Tons para Contorno:

Sombre: Tom marrom de fundo mais frio e acizentado. Em pele bem claras deixa o contorno natural, porém se usado em excesso pode deixar a pele com uma aparência meio cadavérica, é melhor não exagerar.

Shadowplay: Tom marrom de subtom mais quente. Tom perfeito de contorno em peles mais amareladas, também é possível usá-lo como um bronzeador.

Subconscious: Marrom escuro, semelhante ao tom de chocolate, com subtom ligeiramente quente. Tom ideal para contorno em peles mais morenas e bronzeadas.




O Hype em torno desta paleta não é sem razão, a Shade & Light realmente é uma mão na roda para os amantes de um bom contorno e iluminação.

A paleta conta com seis tons completamente mates. Todas as  cores possuem uma ótima pigmentação e textura super fina, que aderem facilmente na pele, mas sem deixar um aspecto pesado.  Esfumam maravilhosamente bem e não acumulam em certos pontos do rosto, como acontece com muitos blushes. Devido a esta textura hiper macia, que eu adoro vale dizer, um pequeno toque do pincel no pó faz com que este se solte facilmente voe para todos os lados, ou seja o produto é um pouco esfarelento, mas nada que deprecie sua qualidade.

Para iluminar e assentar o corretivo tenho misturado os tons Lucid e Lyric, eles cumprem muito bem a função de iluminar a região, no entanto não evitam que o meu corretivo acumule nas minhas ruguinhas. Mas creio que este não seja o objetivo do produto.
Para contornar o rosto, utilizo os tons sombre e shadowpaly misturados e intensifico um pouco, apenas um pouco, com o Subconscious. Também misturo os tons de contorno para definir a linha da minha mandíbula e contornar o nariz.

Mas, como em tudo nesta vida, a paleta Shade & Light peca em um aspecto. Infelizmente não acredito que a seleção de cores seja excelente. Os tons disponíveis funcionam muitíssimo bem para peles claras e morenas. Já as bem morenas e negras não verão muita utilidade nesta paleta, infelizmente. Acredito que para uso pessoal ela é uma ótima opção, para mim se tornou indispensável. Porém, para quem trabalha profissionalmente com maquiagem, creio que necessitará de maior variedade de cores para abarcar a diversidade de tons de peles existentes. Apenas 6 tons não são suficientes para conceder versatilidade a esta paleta.

Outro ponto negativo é que os tons não são vendidos separadamente, quando uma cor acabar você precisara comprar uma paleta inteira novamente...

Da esquerda para a direita: Lucid, Lyric Levitation, Sombre, Shadowplay, Subconscious.
Na foto acima utilizei os 3 tons mais escuros para contornar as bochechas, a linha da mandíbula e o nariz.

No geral, curti muito esta paleta e virou um item bastante necessário para mim. Os tons funcionam super bem na minha pele. Também utilizarei em meu kit profissional, mas como disse acima ainda precisarei de outras cores para contemplar os mais variados tons de pele.

Felizmente esta paleta já pode ser encontrada no Brasil, ela é um produto permanente e é vendida exclusivamente nas lojas físicas e no e-comerce da Sephora. Custa atualmente R$229,00 no entanto está constantemente esgotada. O jeito é ficar de checando sempre sua disponibilidade ou comprar em  outras lojinhas online, que revendem maquiagens importadas.



Então é isso gente, espero que tenham gostado do post! Bjs


segunda-feira, 14 de março de 2016

Look do Dia: Slayer, Hot Pants & Red Hair


Oie!!

Mais um look do dia para animar esta sexta-feira!!

Já contei que adoro fotografar looks do dia? É o tipo de post que mais costumo visualizar em outros blogs que acompanho. Sei que algumas pessoas consideram este tipo de publicação batida e obsoleta. Muitos blogs deste nicho perderam um pouco de sua credibilidade, pois a maioria não transmite uma realidade e servem, basicamente, como publicidade para companhias.

Enfim, para mim os looks são fontes puríssimas de inspiração, não compro exatamente as peças que vejo outras blogueiras usando. Me inspiro, geralmente, no conjunto, no conceito e incorporo algumas tendências. Admiro demais os blogs que conseguem dar um enfoque mais artístico. Não é meu caso ainda, mas quem sabe aos poucos não chego lá, não é mesmo?

Espero que vocês gostem!


Blusa Slayer: H&M | Short Hot Pants: V8, Rua Teresa | Bolsa metalassê: Zara | Bota: Shein | Óculos: Fiveblue - Dafiti | Anéis: Forever 21

Infelizmente o verão aqui em Petrópolis já está dando seu adeus. Março, obviamente, é um mês de muita chuva por aqui e  temperaturas mais amenas. Nunca contei para vocês, mas eu não tenho carro, na verdade tenho moto. Por isso, tenho motivos de sobra para odiar climas chuvosos, além de bater aquela depressão é um saco pegar chuva todo dia, ahuahauhaua!

Enfim, no dia que fizemos estas fotos a temperatura estava ótima! Então saí de shortinho, camisetinha e meu coturno novo da Shein. Estou amando esse par de botas, além de ser muito confortável é bem estiloso! Apesar do alto valor do dólar e das taxas de importação que precisei pagar, achei que foi um ótimo investimento.

Ah, não podia também deixar de citar meu cabelinho novo, hheeh! Ainda não publiquei nada por aqui sobre a meu novo tom de cabelo, pois não sei se vocês se interessariam por este tipo de postagem, mas se tiverem interesse me contem nos comentários.







Espero que vocês tenham curtido o look. Um beijo e até o próximo post!