terça-feira, 22 de julho de 2014

Resenha: Velvetine Lime Crime cor Wicked



Oi pessoal,

Já tem um tempinho que não posto nada por aqui, mas acontece que passei por um lapso de inspiração e também não havia nenhuma novidade legal para compartilhar com vocês. No entanto, esses dias recebi um produto que estou adorando e usando bastante e por isso resolvi fazer esta resenha. O produto é o velvetine na cor Wicked da Lime Crime.


Os velvetines são batons líquidos da linha regular da Lime Crime, porém recentemente a marca lançou 3 novas cores que fazem parte da coleção Clueless Witch Collection, no qual tinha uma campanha super interessante, que fazia referência ao filme Patricinhas de Beverly Hills. Os 3 novos tons são: Wicked, vinho burgundy, Salem, marrom achocolatado e o Black Velvet, preto bem intenso. Todos possuem o acabamento fosco.


Como já citei acima o valvetine é um batom líquido, que após ser aplicado ele seca e fica com um acabamento completamente mate, parece que você acabou de aplicar uma tinta nos lábios e isso faz com que a duração seja extremamente longa. 
A cor que eu possuo, Wicked, é um vinho avermelhado, cor de sangue, muito lindo! A cor na minha opinião é perfeita para fazer um look meio gothic/vamp. Como amo esse tom, acho que foi a escolha perfeita dentre os três, os outros dois ainda estão na minha wishlist.


Apesar da cor maravilhosa, achei que o produto resseca muito os lábios ao ponto de ser um tanto insuportável, por isso é extremamente importante hidratar bem a boca um tempinho antes de passar o produto. 
Também acho que o aplicador, estilo esponjinha, dificulta um pouco a aplicação. É necessário retirar bem o excesso, pois a esponja vem saturada de produto e você precisa de bem pouco para cobrir todo o lábio.  A verdade é que o velvetine não é uma ótima opção para quem está com pressa é preciso ter cuidado e paciência para não errar o contorno labial. É bom ter em mão cotonetes ou até mesmo aplicar com um pincel de boca.


A vantagem está mesmo na duração, já usei por diversas horas seguidas e não senti que o produto esvaeceu tanto. Tive que reaplicar apenas no centro dos lábios após comer e beber, o que achei ótimo, porque é um produto muito difícil de passar...

O velvetine da lime Crime possui uma fórmula muito parecida com o batom líquido da dailus pro, resenhado aqui e o da Kat Von D. A a diferença é que o da dailus é bem mais cremoso e não tem uma duração tão fantástica quando o da Lime Crime e da Kat Von D.


Enfim, no geral, adorei esse produto, virou um item essencial na minha coleção, preciso somente de um pouquinho de tempo a mais para aplicar, o que também acontece com o batom da Kat Von D e acho que aconteceria com qualquer outro batom líquido.
Comprei pelo site da Lime Crime e paguei 20 dólares, mais o frete. Infelizmente fui taxada, demorou uns 2 meses para chegar.

Ahhh e os lançamentos dos velvetines não param por aqui! A marca irá lançar mais uma cor, camada Utopia, um pink berrante com um fundo bem azulado e é lógico que eu já estou aguardando ansiosamente!


Bjs e até o próximo post.

sexta-feira, 4 de julho de 2014

DIY: Gargantilha Grunge - Tattoo Choker



Gente eu lembro de ter usado muito essa gargantilha quando criança, lá no auge do dos anos 90! E como a moda é um vai e vem constante, finalmente os 90's retornou, trazendo de volta, principalmente, a era do grunge, que antes de mais nada é um estilo musical, mas que a moda certamente acompanhou.

Recentemente notei que a tattoo choker virou uma febre entre as fashionistas mais direcionadas ao estilo neo-grunge, como está sendo chamado por aí e obviamente como uma fã do estilo decidi que também precisava de choker dessas. No entanto, não consegui encontrar a tal gargantilha em nenhuma lojinha de bijoux da minha cidade, nem online, por isso decidi eu mesmo fazer a minha. Pesquisando no google achei vários tutoriais e não é que deu certo!



Vamos ao material necessário para você fazer a sua choker: 

- É necessário ao menos 2 metros de fio de nylon na sua cor de preferência. Na verdade, este nylon nada mais é do que linha de pesca que também é usado para artesanato. Não tive dificuldade em encontrar, comprei em uma loja que vende miçangas e artigos para bijoux, custou R$4,75 um carretel de 100 metros.
-Você também precisará de uma tesoura, um grampo para papel e um livro ou caderninho que tenha capa dura.


Para a montagem, segui o DIY do blog  Mirukukeki, conforme imagem abaixo, mas também é possível encontrar vários vídeos tutoriais no youtube. 
Imagem retirada do blog: http://mirukukeki.blogspot.com.br/

Segue a tradução do passo a passo:

1. Dobre um pedaço de linha de pesca na metade. Proteja curva com prendedor de papel em um caderno ou livro com capa dura. Utilizei 2 metros para fazer a gargantilha 
2. De uma volta no fio do lado esquerdo e passe o fio do lado direito por dentro. Pegue o fio da direita, de um volta e passe o fio da esquerda por dentro. Repita esses nós até o comprimento desejado;
3. Prenda as extremidades com um nó quadrado. Umedeça as pontas com cola ou esmalte transparente para segurar nó. Alternativamente, coloque um conector para garantir nó. Apare o excesso de corda.

E o resultado foi este:


Algumas considerações:

-Gente não vou enganar vocês, me embananei toda na hora de fazer esses nós e depois de muitas tentativas fracassadas meu namorado, com pena de mim, pegou o fio de nylon e ele mesmo fez a gargantilha YAY!!!!
-Também achamos difícil de emendar as pontas e como não tínhamos nenhuma cola ficamos dando nós nas extremidades até ficarem firmes, por isso o acabamento final da gargantilha não ficou muito bom, mas como tenho cabelo comprido acaba escondendo. Também é possível queimar as pontas com um isqueiro.

Então é isso pessoal, espero que vocês tenham curtido esse DIY! Bjs e até o próximo post!!

quinta-feira, 19 de junho de 2014

Maquiagem da Semana: Smokey Eyes, inspirado em Rihanna no CFDA Awards



OI gente,

Muito se falou da Rihanna nas últimas semanas devido ao vestido hiper transparente que a cantora usou no tapete vermelho da premiação CFDA, em NY, no entanto o que realmente me chamou atenção foi sua maquiagem! A make é tão linda que serviu de inspiração para o meu look. Claro que não ficou idêntico, minha intenção não era reproduzir fielmente, sempre adapto ao meu gosto e aos produtos que tenho em minha coleção.

Vamos ao look:




 Segui os passos abaixo para fazer este make:

- Apliquei a sombra cremosa da Maybelline, color Tattoo Tough as Taupe, por toda a pálpebra móvel e após esfumei a sombra marrom Brown Script, da MAC, no côncavo;
- Por cima da base, apliquei uma sombra marrom acinzentada, sombra Urban Decay Mushroom;
- No canto externo da pálpebra e também um pouco no côncavo, esfumei uma sombra preta;
- Apliquei um lápis preto na linha d'água, iluminei abaixo da sobrancelha com uma sombra bege e também no canto interno dos olhos
-Apliquei máscara e cílios postiços;
- Na parte inferior dos olhos repeti o mesmo esquema de aplicação de sombras da pálpebra.






Produtos utilizados:

Face:

Base Nars Sheer glow, cor deauville
Corretivo MAC Prolongwear NW20
Pó para assentar o corretivo Bareminerals Well Rrested
Pó MAC MSF Natural Light/plus
Blush MAC Coppertone
Iluminador MAC MSF Soft & Gentle

Olhos:
Base para sombras Maybelline color Tattoo tough as taupe
Sombras Urban Decay Smoked Palette nas cores Kinky, Mushroon e Blackout
Sombra MAC Brown Script
Lápis para olhos Preto Avon
Mascara They're Real Benefit
Cílios postiços Revlon

Lábios:

Lápis para lábios MAC, cor subculture
Batom MAc Flashpot
Gloss Nars Turkish Delight




quarta-feira, 11 de junho de 2014

Look do dia: Disco Pants e Colar Étnico










Blusa: Renner / Calça Disco Pants: Adidas / Colar, Jaqueta e bolsa: Zara / Cut out boots: Santa lolla / Óculos: Ray-ban Aviator.


Sempre quis, desejei a tão famosa Disco Pants da American Apparel, há anos está na minha wishlist, porém nunca comprei, porque acho que ela não vale os R$285,00 cobrados e também por não saber exatamente qual seria o meu tamanho. Acho um saco trocar peças adquiridas em lojas on-line, então se tenho alguma dúvida, prefiro não comprar.

Mas, um dia desses vi uma calça idêntica a disco pants no site da Adidas (link da calça aqui), ela faz parte de uma coleção da cantora Selena Gomes. Nem pensei duas vezes e comprei, além de ser bem mais barata, também não tive problemas na hora de escolher meu número, pois já conheço muito bem as medidas da Adidas. O tecido e caimento se parecem muito com a da original de acordo com as minhas pesquisas na internet, logo acho que fiz um bom negócio!

Apesar do frio que está fazendo aqui na minha cidade, o dia no qual escolhi para fotografar estava com uma temperatura super agradável, então deu para usar essa blusinha cropped da renner que é bem fresquinha. Porém de noite a temperatura cai muito e por isso tive que levar minha jaqueta de couro. Também finalmente consegui montar um look usando meu colar étnico da Zara, que já possuo faz algum tempo! Eu amo esse colar, mas como ele é um acessório que fica muito em evidência, acabo achando difícil de combinar com outras peças que tenho no armário.



Para quem ficou curioso, a câmera da foto acima é a Diana mini da Lomography. Eu e meu namorado amamos fotografias analógicas (sim, ainda existe gente que curte essas coisas)!


Beijos e até o próximo post!

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Resenha: Electric Pressed Pigment Palette da Urban Decay



Oi Gente, tudo bem?

A Urban Decay é uma marca incrível de maquiagens, quando ela lança algum produto novo minha carteira já fica em alerta! Famosa pela sua linha Naked, no qual tanto as paletas de sombras, quanto os produtos para pele e lábios seguem uma linha mais natural e sofisticada, a empresa resolveu sair de sua zona de conforto e finalmente lançou uma paleta super, hiper, mega, ultra, power e über colorida, a Electric Palette! 
Obviamente eu não segurei a minha inquietação e adquiri a paleta. Acho que os fãs da marca também se surpreenderam muito com esse lançamento, estava faltando um pouco de cor em sua gama de produtos.



A paleta é composta de 10 sombras super vibrantes, sendo 4 foscas e 6 brilhantes. Também acompanha um pincel duplo que acabei esquecendo de fotografar. Sorry...

Revolt: sombra prata super metálica;
Gonzo: azul meio turquesa, possui pequenas partículas de glitter prateados, mas quando aplicado na pele fica bem mate;
Slowburn: um vermelho alaranjado com pequenas partículas de brilho mas que fica totalmente mate ao ser aplicada;
Savage: sombra pink, de acabamento mate, super pigmentada;
Fringe: sombra azul, super metálica, vibrante e com ótima textura;
Chaos: azul cobalto incrível, adorei esta cor! Ela já havia sido lançada anteriormente na primeira edição da "The Vice Palette";
Jilted: Sombra fuschia metálica, com um toque de azul em seu subtom;
Urban: sombra roxa bem metálica linda! É a minha cor favorita da paletta!
Freak: verde pastel super brilhante
Thrash: um tom de amarelo meio verde lima, esta sombra  não é totalmente mate, possui pequenas partículas de brilho dourado.


As sombras possuem uma excelente qualidade, textura e pigmentação, as cores são realmente gritantes. Porém, devido à intensidade do pigmento contido na fórmula, elas acabam manchando um pouco a pálpebra, dá um trabalho retirá-las mesmo com um bom demaquilante. Isso também dificulta um pouquinho na hora de esfumar, 
A gama de cores tendem para um subtom mais frio e azulado, mas como eu amo sombras roxas e azuis isto para mim não é exatamente problema, na verdade foi o que me chamou a atenção. No entanto, a sombra  slowburn acabou não se encaixando muito bem na proposta da paleta, já que ela é o único tom mais quente e alaranjada. Também senti falta de cores mais intensas, como um verde e amarelo com acabamento mate.
Meu único desapontamento é com a sombra prata Revolt, acho que ela poderia ser substituída por uma sombra colorida e diferente, pois creio que todo mundo que curti maquiagem, tem um sombra prata por aí guardada na coleção, não é minha gente?

Enfim, vamos aos Swatches:

Da esquerda para direita: Revolt, Gonzo, Slowburn, Savage, Fringe.

Da esquerda para direita: Chaos, Jilted, Urban, Freak, Thrash.


Eu estou totalmente apaixonada por esta paleta, realmente as cores são lindas e acho que a Urban Decay fez um excelente trabalho no desenvolvimento deste produto. Claro que não são cores fáceis de usar a qualquer hora, mas acho legal ter, em uma coleção de maquiagem, tons mais vibrantes para poder brincar e sair um pouco do convencional de vez em quando. 



Um ponto negativo que deve ser citado aqui é que nesta paleta as sombras são descritas como pigmentos prensados e há um informativo explicando que algumas cores, tais como a Slowburn, Savage, Jilted e Urban não são seguras para a aplicação nos olhos, de acordo com as leis dos E.U.A, pois podem causar irritação ou alergias nesta região. Isto me pareceu bem preocupante, estranho e incoerente, já que a empresa divulga que este produto é destinado para os olhos. Mas enfim, eu já usei algumas vezes e ainda não tive nenhum problema.



Infelizmente a Electric ainda não está à venda no Brasil, eu tive que encomendar a minha dos E.U.A. Ela custa por lá 49 dólares.


Bjs e até o próximo post!

terça-feira, 27 de maio de 2014

Maquiagem da semana: 90's makeup, inspirada em Kylie Jenner


Oi meninas,

Não sou Kardashian maníaca, mas admito que adoro acompanhar os looks e maquiagens das 5 irmãs. Ultimamente, o estilo que eu mais tenho curtido é o da irmãzinha mais nova Kylie Jenner. Recentemente Kylie postou selfies em sua conta do instagram, usando uma maquiagem linda, que muito me lembrou os looks dos anos 90. Acho que na verdade ela só queria exibir eu procedimento de aumento de lábios, no entanto eu resolvi reproduzir a maquiagem, pois ela é bem clássica e ainda me fez voltar a amar tons de bege e marrom nos lábios. 

Vamos ao look:




Para reproduzir este look, segui os passos abaixo:

- Esfumei um tom de marrom médio fosco em todo o côncavo e no canto externo da pálpebra;
- Apliquei um sombra cor da pele também fosca por toda pálpebra até encontrar com a sombra marrom;
- Iluminei abaixo da sobrancelha e no canto interno dos olhos com uma sombra perolada;
- Apliquei a sombra marrom misturada com um pouco de preto na parte inferior dos olhos;
- Apliquei o delineador, cílios postiços e a máscara;
- Para o blush usei um tom meio marrom com pêssego, mais neutro;
- Delineei toda a extensão dos lábios e apliquei um batom bege escuro, com um acabamento mais mate.




Produtos utilizados:

Face:

Base Nars Sheer glow, cor deauville
Corretivo MAC Prolongwear NW20
Pó para assentar o corretivo Bareminerals Well Rrested
Pó MAC MSF Natural Light/plus
Blush MAC Coppertone
Iluminador MAC MSF Soft & Gentle

Olhos:

Sombras Paleta Naked Basics, Urban Decay
Lápis para olhos nude MAC Chromagraphic Pencil NC15/NW20
Delineador Phisicians Formula Eye Booster Carbon Black
Mascara They're Real Benefit
Cílios postiços Revlon

Lábios:

Lápis para lábios MAC, cor subculture
Batom Maybelline Teddy Bear


Gente amei essa maquiagem e principalmente este batom Teddy Bear da Maybelline! Espero que vocês também tenham curtido e que essa make sirva de inspiração para seus looks! bjss

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Comprinhas de Maio: Forever 21 + Zara



E aí pessoal, tudo bem?

No começo deste mês dei uma passadinha no shopping Village Mall e aproveitei para ir na Forever 21. fui em uma sexta e a loja estava bem cheia, mas sem filas para entrar.


Foi a segunda vez que estive na loja, em abril cheguei a ir na Forever, enfrentei 15 minutos de fila para entrar, mas infelizmente quase não havia estoque de roupas e a loja estava tão cheia que foi impossível ficar lá dentro, então acabei não levando nada. Desta vez não tinha fila para entrar, em compensação fiquei 2 horas na fila do caixa, foi terrível!


Eu sempre gostei muito das roupas da Forever, costumava entrar no site da loja dos E.U.A e fazia wishlists imaginárias. Mas, como nunca tive a oportunidade de viajar para um lugar que tivesse a loja física da marca, não fazia muito ideia de como era pessoalmente. Tenho apenas uma blusinha que pedi para alguém trazer dos E.U.A para mim.


No geral, achei as roupas legais e bem de acordo com as tendências do momento, às vezes até um pouco exageradas. No entanto, me decepcionei um pouco com a qualidade dos tecidos e também com a disponibilidade do estoque, pois todas as roupas dos manequins não estavam mais disponíveis para venda. Calça jeans só havia um modelo e t-shirts também em pouca variedade, pouca mesmo. O que tinha aos montes eram roupas de ginastica e de inverno, vi muitos casacos de lã, cardigans, moletons, jaquetas estilo parka e trench coats. Pra mim que moro em um município, bem gelado, do interior do estado, gostei de ver tanta variedade de roupas de frio, mas para quem mora na cidade do Rio mesmo não sei se vai apreciar tanto.

Também achei que as roupas estavam com um bom preço, algumas peças eram mais caras sim, tais como jaquetas e casacos mais pesados, porém não vi nada que ultrapassasse 180 reais, a maioria era bem baratinha.


Enfim chega de blá blá blá, vamos as minha compras:





Comprei esta saia estilo bodycon, porque quero dar uma de Kim Kardashin, só que não. Eu não me recordo exatamente o preço, pois tirei todas as tags e perdi minha nota fiscal, mas ela custou R$ 28 e uns quebrados.


Comprei essa calça para malhar, ela é de um material excelente e não fica transparente, me lembrou muito a qualidade das roupas da Adidas. Ela custou mais ou menos uns R$ 48,00



Comprei esse cardigan maravilhoso, em azul bem escuro, com a bandeira do Reino Unido nas costas, esse casaco é muito similar ao que eu postei na minha wishlist da forever aqui, ele custou uns R$ 112,00


Para terminar, não podia deixar de ver a seção de bijoux que é enorme! Porém, comprei somente essas suas pulseirinhas,  a maioria das bijuterias lá são douradas e eu não sou muito fã. A pulseirnha multi colorida, estilo oil slick também estava na minha wishlist deste post aqui. Ambas custaram em trono de R$ 6,00.


Não podia ir ao Rio sem dar uma passadinha na Zara que fica no Barra shopping, bem próximo ao Village Mall, mas como já estava casada da fila que enfrentei na Forever, levei apenas essa blusa, que custou R$ 69,90 e uma bota Over the Knee, que é uma trend bem forte para este inverno, porém acabei esquecendo de fotografar para vocês. Prometo fazer um look do dia com ela.


Enfim gente, essa foram minhas comprinhas. Espero que vocês tenham gostado e até o próximo post!


sexta-feira, 9 de maio de 2014

Look do dia: Pied de Poule





Jaqueta biker, t-shirt, saia e bolsa: Zara / Cut out boots: Santa Lolla / Meias: Asos

Finalmente fez um frio aqui na minha cidade e pude usar a minha meia high knee que comprei há algum tempo no site da Asos, também aproveitei para usar a minha sainha nova, com detalhes assimétricos, estilo Pied de Poule. Achei que nunca ia ter alguma peça com esta patronagem, pois foge um pouco do meu estilo, no entanto acho que consegui montar um look legal sem perder minha personalidade. Para isto combinei a saia com a minha t-shirt com a estampa "Nouveau Punk"e a minha biker jacket adorada da Zara. 
Também usei pela primeira vez minha cut out boots, da Santa Lolla, inspirada descaradamente no modelo "Buckle Strap Ankle Boots" da marca Belenciaga. Essa botinha é um desejo antigo meu e fiquei feliz em saber que as marcas nacionais estão produzindo modelos parecidos, já que nunca nessa vida pagaria o preço de uma original. Sei que muita gente torce o nariz para produtos "inspirados" porque muitas vezes pode parecer uma cópia, plágio e tudo mais, porém não acho que a intenção da marca seja fazer uma falsificação é apenas uma forma de trazer para todos uma tendência que teoricamente ficaria restrita somente a um certo grupo de pessoas. Eita assunto polêmico!

Enfim, espero que tenham gostado do look e até os próximos posts!!